Buscar
  • Renato Mota

ESTRÉIA:"PENHA: UM ENSAIO SOBRE VIOLÊNCIA DOMÉSTICA"


O Festival X-Tudo chega à sua 9ª edição trazendo a arte e a cultura dos Territórios e seus desdobramentos simbólicos e sociais para a toda a rede de teatros Firjan SESI do estado do Rio. De 8 agosto a 2 de setembro de 2018, o projeto apresenta uma mistura especial de música, teatro, dança, exposição, debates, cinema e atrações para o público infantil.

E no próximo dia 22 de agosto, o festival apresentará a estréia do mais novo espetáculo do Coletivo FLORES: "PENHA: Um ensaio sobre violência doméstica"

Inspirado na Lei Maria da Penha, o espetáculo de dança apresenta coreograficamente a violência doméstica, na medida em que as relações de vida se revelam pelos intérpretes.

“De repente o mundo está todo parado para ela. Só para ela. Ao seu redor tudo move, tudo gira, anda, muitas danças acontecem, ela observa, mas já não acompanha o ritmo, sua trilha sonora é feita por descompassos, silêncio. Ele passa por ela, ela deseja que ele siga... em frente. E tudo continua, ela parte de uma obra inacabada, ele um “artista agressor”.

Em 2009, a coreografa e diretora Taís Vieira desenvolveu um estudo de danças urbanas para o corpo feminino, que anteriormente era muito masculinizado. A partir dessas pesquisas nasceu já circulando em cenário profissional internacional o Coletivo Flores.

O grupo teve sua primeira formação a partir de um trabalho proposto só com mulheres em turnê pela França, Brasil e Equador. Em 2011 o coletivo ampliou seu conceito de criação e tornou-se uma companhia mista, onde o corpo feminino ainda é objeto de estudo dentro das linhas das danças urbanas, mas este passa a ser reconhecido sem nenhuma distinção de gêneros.

A partir de então circula com seus espetáculos em diferentes cenários da dança a fim de divulgar sua linguagem corporal experimental.

Duração: 55 minutos

Ficha técnica: Direção e concepção: Taís Vieira Coreografia: Coletivo Flores Intérpretes: Daniele Morethe, Lorena Bitencourt, Luiz Philipe Spranger, Luize Helena Pessanha, Joyce Pacheco, Rafael De Souza, Renato Mota e Thiago Morethe Direção de produção: Dilma Negreiros

Foto: Juan Porto

SOBRE O FESTIVAL O Festival X-Tudo nasceu em 2010 para democratizar o acesso à cultura no estado do Rio, levando para os palcos dos Teatros Firjan SESI a diversidade cultural por meio de espetáculos de música, dança, artes plásticas, cinema, teatro, atrações para o público infantil e debates. O projeto oferece ao público um panorama do cenário cultural da atualidade, abrindo espaço tanto para artistas já reconhecidos nacionalmente quanto para novos talentos locais. Hoje, o evento é reconhecidamente um dos grandes projetos da Firjan SESI e um dos mais atuantes no cenário artístico do estado do Rio. Em 2018, o X-Tudo mantém sua programação ampliada para os Teatros Firjan SESI do Grande Rio e do interior do estado, além da parceria com o Circo Crescer e Viver.

Programação completa: http://xtudo.firjan.com.br/x-tudo/programacao/​



3 visualizações
  • White Facebook Icon
  • White Instagram Icon

Produção e Execução:

© 2020 Renato Mota